terça-feira, 30 de março de 2010

Convênio vai beneficiar escoamento da agricultura familiar

Investimento de R$ 1 milhão vai garantir melhor infraestrutura em assentamentos rurais


O convênio de cooperação mútua técnico-financeira assinado nesta segunda-feira (29) pelo governo de Alagoas, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), e o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), vai garantir melhorias nas estradas de acessos a três assentamentos rurais, beneficiando o escoamento da produção familiar no Estado.

Durante a solenidade de entrega das primeiras sacas de sementes selecionadas de milho, feijão e arroz para os diversos movimentos sociais de trabalhadores do campo, o governador Teotonio Vilela destacou a parceria do seu governo com o Incra, que proporcionou momentos como esse de assinatura de um convênio de R$ 900 mil, com contrapartida de R$100 mil do governo do Estado, totalizando um investimento de R$ 1 milhão que será aplicado na melhoria de estradas de acessos aos assentamentos Ouricuri I e II, em Atalaia, com a recuperação de 9 km da estrada ligando o povoado do Ouricuri à BR-316.

A recuperação da estrada é esperada há anos pelos moradores dos assentamentos, que têm dificuldade de chegar até Atalaia, e vai contribuir para a comercialização de seus produtos.

O convênio também contempla os assentamentos Jubileu 2000 e Quilombo dos Palmares, onde serão construídas quatro pontes de concreto que vão substituir as pontes precárias, feitas de material como troncos de coqueiros, garantindo um tráfego seguro dos assentamentos até as cidades de São Miguel dos Milagres e Matriz do Camaragibe.

As lideranças dos movimentos sociais comemoraram a assinatura do convênio, que segundo a representante da Comissão Pastoral da Terra (CPT), Maria Cícera de Menezes, representa a confirmação de uma reivindicação antiga dos movimentos sociais da região, que trará benefícios para os camponeses e camponesas.

O diretor-presidente do DER, Marcos Vital, confirmou que com o convênio assinado com o órgão é o primeiro passo para dar início à licitação dos contratos nos três assentamentos beneficiados, o que deve ocorrer em um prazo máximo de 90 dias, conforme os trâmites necessários à licitação pública.

Segundo Vital, o DER também já se mobilizou para dar início a um trabalho paralelo de melhoria das condições das estradas de acesso aos assentamentos Jubileu 200 e Quilombo dos Palmares, enquanto aguarda o final da licitação para que seja dada a ordem de serviço nos três assentamentos beneficiados com o convênio.


Fonte: Agência Alagoas

Nenhum comentário: