sábado, 2 de abril de 2011

Personalidades e companheiros de luta prestigiam Feira da Esperança e da Solidariedade

Por: Helciane Angélica - Jornalista/CPT-AL


Na solenidade de abertura da Feira da Esperança e da Solidariedade, na praça ao lado da Igreja São Gonçalo, autoridades políticas e pessoas comprometidas na luta pela reforma agrária  estiveram presentes e se pronunciaram a favor da feira conjunta com a Arquidiocese de Maceió. Eles também vestiram a camisa  com  a frase "REFORMA AGRÁRIA - URGENTE E NECESSÁRIA". 




Célia Capristano - Presidente  do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Alagoas (Sinteal)
"A reforma agrária é uma reforma justa para os trabalhadores do campo que estão trazendo desenvolvimento para cidade. Nós não precisamos só dos produtos da cana! E aqui as pessoas estão vendo produtos fresquinhos do campo e a sociedade também ver a importância dessa iniciativa e a necessidade de ampliar o trabalho"





Izac Jakson - Presidente da CUT/AL
"Essa feira conjunta só mostra a unidade e a necessidade de luta pela reforma agrária. Os usineiros tomam conta do Estado de Alagoas, dizem que estão em crise, mas que crise é essa que diminui a área plantada e aumenta o lucro? Infelizmente, aqui tomo mundo tem relação direta com os usineiros, a começar pelo próprio governador que é usineiro"






Lenilda Lima - Presidente do PT/AL
"São vários os momentos que a gente tem acompanhado a luta dos camponeses. Em Alagoas, 43% da população ganha menos que um salário mínimo e 70% tem problemas na área de educação e saúde. É preciso mudar o rumo de desigualdade nesse Estado, e a reforma agrária é um dos exemplos que pode trazer fartura e desenvolvimento social"





Silvio Camelo - Vereador por Maceió (PV)
"Quero parabenizar a Arquidiocese de Maceió na pessoa de Dom Antônio Muniz pela iniciativa. Essa vem a ser a etapa final de conquista e de apoio as pessoas que trabalham no campo e trazem seus produtos para serem comercializados, sem a figura do atravessador. Outras iniciativas como essas devem ser feitas, inclusive, outras parcerias com as prefeituras. São atitudes como essas que contribuem para que diminua a favelização nas cidades e para fixar o homem no campo e cultivar suas tradições"





Judson Cabral - Deputado Estadual (PT)
"Essa feira só mostra que a reforma agrária funciona, além de ser importante para fortalecer a agricultura familiar e que contemple os trabalhores rurais com dignidade. Também mostra que quando tem as condições mínimas de infra-estrutura, as famílias camponesas conseguem produzir e comercializar alimentos de qualidade"

Nenhum comentário: