terça-feira, 19 de julho de 2011

Camponeses estão na Eletrobrás em busca de seus direitos

A Mobilização por vida digna no campo é realizada pela Comissão Pastoral da Terra em Alagoas (CPT-AL) e, também, é uma referência ao Dia do Agricultor



Por: Helciane Angélica - Jornalista CPT/AL


Foi iniciada na manhã desta terça-feira (19.07) em Maceió, a Mobilização Estadual da Comissão Pastoral da Terra (CPT-AL) por vida digna no campo, onde também faz referência ao Dia do Agricultor que é comemorado no dia 25 de julho. No período da manhã estiveram na sede do Ibama, e agora de tarde seguiram em caminhada até a Eletrobrás/AL onde estão neste momento.

A ação busca dialogar sobre a efetivação do Programa Luz para Todos – lançado pelo Governo Federal em novembro de 2003, com o desafio de acabar com a exclusão elétrica no país – mas, infelizmente, ainda não contempla todas as áreas da reforma agrária, a exemplo das 65 famílias do Assentamento Santa Maria Madalena em União dos Palmares. O projeto de energia elétrica não foi concluído, mesmo os postes já terem sidos instalados há um ano, os camponeses não podem adquirir eletrodomésticos, nem investir no processo de irrigação da sua produção agroecológica.

Estão presentes cerca de 500 camponeses oriundos de acampamentos e assentamentos da zona da mata, sertão e litoral norte. Outras pautas de reivindicações também serão tratadas em outros órgãos públicos, como: Instituto do Meio Ambiente (IMA), Secretaria de Agricultura (Seagri), Instituto de Terras e Reforma Agrária de Alagoas (ITERAL), e na Superintendência Regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra-AL). A mobilização é por tempo indeterminado.

Mais informações: (82) 9127-5773 / 9127-2364 / 9126-1532

Nenhum comentário: