sábado, 26 de novembro de 2011

IMA e BPA cumprem desapropriação irregular no assentamento Flor do Bosque

Com o termino do prazo de desapropriação irregular da reserva ambiental no assentamento Flor do Bosque, no município de Messias, técnicos do Instituto do Meio Ambiente (IMA), com apoio do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA), realizará uma visita técnica, neste domingo (27), para ver a situação do local e punir os infratores.

As áreas destinadas à reserva legal e a mata nativa, de acordo com a CPT, foram ocupadas irregularmente por pessoas que moram nas cidades próximas ao assentamento. Nas áreas de proteção ambiental, os invasores construíram casas, realizaram plantações e estavam criando animais.

“São pessoas que não fazem parte do movimento, mas que estão lá ocupando áreas de proteção ambiental. Os próprios camponeses, que moram no local há mais de onze anos identificaram plantas nativas como ingá, palmeira, sabacuím, cupiúba, dendê, imbaúba, visqueiro, favinha, louro, murici, banana de papagaio, sapucaia e outros que a população de fora vem para desmatar”, destacou Heloísa Amaral, coordenadora técnica da CPT.

De acordo com ela, o assentamento Flor do Bosque, possui 350 hectares de extensão, sendo que 70 hectares pertencem à reserva de proteção ambiental, destes dez destinados à mata nativa. “Toda essa área é símbolo de luta e resistência para nós que fazemos a CPT em Alagoas, pretendemos instalar um lote modelo e espaços de estudos nesta reserva, mas pretendemos protegê-la primeiro”.

Primeira visita e fiscalização

Técnicos do Instituto do Meio Ambiente (IMA), do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra-Al), policiais do Batalhão de Polícia Ambiental, além Secretaria Estadual de Agricultura (Seagri), Articulação Social e Associação italiana Pachamama, vistoriam em loco a área de proteção ambiental, no mês de julho, deste ano.

Durante a visita, o IMA produziu um relatório técnico detalhando os espaços que foram devastados. Um prazo de quatro meses foi dado para que os invasores desocupassem a área, cujo prazo termina neste domingo, onde os técnicos, juntamente com o apoio policial visualizaram a situação e puniram os infratores.

_____
Comunicação
Railton Teixeira – Jornalista (MTE/AL 1322) – (82) 9996.0734
Setor de comunicação e documentação – (82) 3221.8600

Nenhum comentário: