quarta-feira, 16 de maio de 2012

Trabalhadores rurais deixam sede do DER com esperança do início das obras para esta quinta

Os trabalhadores rurais que estavam acampados na sede do Departamento de Estradas e Rodagens (DER) de Matriz do Camaragibe, desde o início da manhã desta quarta-feira, 16, deixaram o local com a esperança do início das obras da construção da estrada que liga os municípios de Matriz do Camaragibe a São Miguel dos Milagres para esta quinta-feira.

Os camponeses dos assentamentos Jubileu 2000, Ir. Dorothy Stang e Quilombo dos Palmares reivindicam a construção de uma estrada, com aproximadamente 30 km, que liga os dois municípios e cortam os assentamentos. Além do acesso aos assentamentos, a estrada também beneficiará cerca de 560 pessoas, que utilizam a rodovia, como também as crianças do assentamento Ir. Dorothy que andam mais de uma hora para pegar o ônibus escolar.
A Estrada foi uma promessa do governador de Alagoas, Teotonio Vilela Filho (PSDB), em 2009, durante a inauguração da casa de farinha, no assentamento Jubileu 2000. Na ocasião uma comitiva de deputados e assessores ficaram ilhados impedidos de chegar ao local do evento, só sendo possível a presença de Vilela que chegou através de um helicóptero. Depois de inúmeras reuniões, ficou acordado o início das obras em 09 de abril, deste ano, mas não foi cumprido.

Como forma de pressionar o estado, os assentados ocuparam o DER, a priori, por tempo indeterminado, enquanto esperavam a presença do presidente estadual do órgão, Marcos Antônio Cavalcanti Vital, que não pode comparecer, alegando, através de uma ligação, motivos pessoais. Vital deixou claro, para a coordenação da Pastoral, que o início das obras se dará nesta quinta-feira (17).
Esperançosos e após uma assembleia, os camponeses deixaram a sede do departamento. De acordo com a CPT, a saída dos trabalhadores do DER se deu de forma pacifica, porém não havendo o início das obras, como prometido pelo órgão, novas ações deverão acontecer.

Nenhum comentário: