terça-feira, 29 de abril de 2014

CPT será recebida pelo Governador nesta quarta-feira

      Os camponeses e as camponesas organizados pela Comissão Pastoral da Terra se reunirão com o Governador Teotônio Vilela na quarta-feira, 30 de abril, às 17h. O objetivo da audiência será cobrar mais investimentos no campo para garantir melhores condições de vida ao povo abandonado pelas ações do Governo.

     A pauta está recheada de compromissos já firmados pelo Governador e que não foram executados, tais como conclusão de estradas, construção de casas de farinha, distribuição das águas do canal do sertão para os irrigar áreas de assentamentos, regularização do acampamento Nossa Senhora de Guadalupe em Igaci, apoio à manutenção da reserva no assentamento Flor do Bosque.

“As reivindicações continuam as mesmas. Questões de infraestrutura não se resolvem por si só, precisa de ações para tal. Vamos cobrar soluções efetivas para promessas já feitas em outros momentos que se arrastam há anos”, afirmou Carlos Lima, coordenador Regional da CPT.

A CPT luta por uma profunda Reforma Agrária e o direito a uma vida digna e entende que é um dever dos governantes garantir as condições para isso. “Hoje, mais do que nunca, há meios de se ter uma vida em plenitude para todo o ser humano, entretanto a concentração das riquezas impõe as desigualdades, a fome e a miséria. A democratização do uso da terra e da água são elementos determinantes para amenizar a miséria que tanto o governo fala e não cumpre”, concluiu Carlos Lima.

Nenhum comentário: