quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Programação cultural encerra o primeiro dia da 21ª Feira Camponesa

Lançamento do livro “Terra e Pastoral em Alagoas” será o destaque da segunda noite




Com muito forró e alegria, foi encerrado o primeiro dia da 21ª Feira Camponesa. Centenas de pessoas assistiram ontem, 15 de outubro, na praça da Faculdade, as apresentações de Kleber Canto e Pinóquio do Acordeon. E de bônus, prestigiaram o teatro de bonecos Mamulengo Sururu.

A programação cultural, que começa sempre às 19 horas, se estende até a sexta-feira. O destaque de hoje, 16, será o lançamento do livro “Terra e Pastoral em Alagoas: Conflitos e liberdade”. Logo após, subirão ao palco da Feira Camponesa Guilla Gomes e Forró Nó Cego.

O Livro

A obra retrata a história da Comissão Pastoral da Terra em Alagoas a partir de depoimentos de camponeses e camponesas que lutam por uma vida melhor no campo. Assim como a luta pela democratização da terra, o livro é uma obra coletiva. Seus organizadores são: Luís Sávio de Almeida, Carlos Lima, Alessandra Timótio e Anke Nikolaus.


Para saber mais, leia a entrevista com o coordenador da CPT, Carlos Lima. 
(http://averdade.org.br/2014/10/democratizacao-da-terra-e-os-desafios-trabalho-pastoral/)

Nenhum comentário: